Adoção, Conte a sua História de Adoção

Conheça a história de adoção da Matilda

Conheça a história de adoção da Matilda
Comprar Camas para Cachorro

Conheça a linda história de adoção da Matilda.

Essa linda e dócil cachorrinha morava em uma fazenda, mas foi para a cidade morar com o seu novo tutor.

Veja como tudo começou…

Conheça a história de adoção da Matilda

Conheça a História de Adoção da Matilda“Minha história de adoção começa com uma vontade repentina de ter um cachorro. Comecei a pesquisar as raças e em especial um buldogue francês. Nossa, como são caros e tal mas a danada da vontade não passava. 

Foi então que fui para um sítio, da família da minha ex namorada, em Japuíba. O cunhado dela tem uma fazenda, numa cidade perto e fomos conhecer a fazenda dele. Estávamos andando pelas terras e nos deparamos com uma ninhada de vira-latas lindos, 2 pretinhas e 1 marrom. Tentamos nos aproximar e eles saiam correndo, estavam super arredios. Não conseguimos contato com eles e continuamos a desfrutar das paisagens maravilhosas da fazenda. 

Em determinado momento, me sento para contemplar a paisagem e passados alguns instantes sinto a presença de uma coisinha preta se aproximando e sentando ao meu lado. Era a Matilda. Linda, muito medrosa, mas sem saber o porque, lá estava ela tentando se conectar comigo. Fiz uma festinha nela, festinha mesmo, porque ela ainda estava arredia e medrosa. Mas estava ali, superando o medo e se aproximando de mim. Estava suja, cheia de bernes, com rabinho cortado (não sei o porque), mas era a coisa mais linda que havia contemplado naquele momento. Um olhar tenro, desconfiado e transbordando todo o amor que ela tem. Bom, chegou a hora de ir embora. A visita na fazenda estava no fim e fomos embora novamente para o sítio da minha ex.

Aquele olhar e carinho recebido não saiam da minha cabeça e meus pensamentos começavam a sair do buldogue francês e começaram a ir de encontro àquela vira-lata pretinha. 

Minha ex queria 2 cachorros pra deixar no sítio e pediu ao cunhado se ele poderia ceder aqueles filhotes da ninhada que vimos. Seriam os irmão da Matilda. A Matilda continuaria na fazenda dele. Ele doou de pronto e disse que os levaria na semana seguinte. Eu não falei nada sobre a Matilda com elesNa semana seguinte, num dia chuvoso e frio de inverno, me chega o capataz da fazenda numa pickup com os cachorros na caçamba, amarrados e completamente encharcados. Ele buzinou e saímos para buscar os 2 filhotes. Para nossa surpresa, vieram os 3 irmão: Marola, Shanti e a Matilda. Ao sair da caçamba, Matilda como se me conhecesse a muito tempo, corre pra perto de mim me pedindo colo e carinho. A partir daquele momento estava selado o nosso laço. Mesmo sem confirmar a adoção ainda, mas meu coração já havia sido conquistado por aquela cadela pretinha

Se passaram duas semanas pensando e me estruturando para a adoção. Matilda continuou no sítio com seus irmãos. Eu indo vê-las nos finais de semana seguintes. Matilda me seguia pelo sítio o tempo todo. O carinho e a confiança ia aumentando e numa breve conversa com minha ex, perguntei se a Matilda poderia ser minha. Ela, percebendo a conexão que havia entre nós, não relutou um segundo. Claro que sim, ela é sua. Yeeeeaaahhhh… 

Matilda, saiu da fazenda e veio para a cidade grande. Chegou aqui no RJ com muito medo, mal saía na rua. muito barulho e confusão. Era muito diferente daquela paz da fazenda. Mas não precisou de muito tempo para se adaptar. Logo fez amizade com um outro vira-lata, o Paçoca, que também é adotado e dali pra frente foi se socializando e hoje fala com todos os cães que encontra pela frente

Hoje com 1 anos e meio, é uma cadela linda, educada e uma parceira incrível. Super inteligente e dócil

Na verdade, eu é que fui adotado por ela.

Mais um lindo encontro…

Veja quanto amor na frase do tutor da Matilda: “Na verdade, eu é que fui adotado por ela””.

Campanha Conte a Sua História de Adoção

A saber, a Campanha Conte a sua Linda História de Adoção foi lançada nas redes sociais da Lassie no Dia do Cão.

Este evento foi elaborado com o objetivo maior de inspirar outras famílias a adotarem um cãozinho também.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.